28/11/2018

Confira algumas dicas para contratar um seguro empresarial para o seu negócio

Quando se opta por ter um estilo de vida de empreendedor, o crescimento da empresa, claro, se torna a maior das responsabilidades. Porém, a saúde do seu negócio não é a única, uma vez que empreender é correr riscos em diversas esferas, como, por exemplo, perder os bens e investimentos por conta de uma pane elétrica.

E nesse texto de hoje, nós vamos mostrar o porquê contar com um seguro empresarial é uma ótima opção de garantir que o seu negócio fique protegido e seja reembolsado em caso de imprevistos. Boa leitura!

Seguro Empresarial: o que é?

Nenhum empresário quer ser surpreendido com alguma situação que pode colocar o seu negócio em risco, prejudicando, assim, a entrega dos seus produtos e serviços com qualidade. Porém, por mais cauteloso que o proprietário seja, alguns incidentes fogem do controle.

E o seguro empresarial existe justamente para restaurar, da melhor maneira, os danos que podem vir a ocorrer, desde pequenas reparações até acidentes mais complicados.

Uma tempestade, raios, falhas em sistemas de segurança, roubo, furto e panes elétricas. Esses são apenas alguns exemplos de cenários que podem deixar o seu negócio em risco e causar um problemão, mesmo que as chances sejam pequenas.

Assim, o empresário escolhe, junto com a corretora de seguros, a melhor opção de cobertura para o empreendimento. Desta forma, o contratante pode realizar o pagamento mensal ou anual do seguro e aproveitar os serviços que podem chegar, por exemplo, até a 100% de reembolso.

Cuidados ao contratar o seu seguro empresarial

Nossa primeira dica é na hora de negociar a aquisição do serviço. Contate uma corretora de seguros para que ela te auxilie a avaliar os riscos e as coberturas necessárias para o seu negócio. O contato face a face é importante e, atualmente, os meios de comunicação estão cada vez mais acessíveis para facilitar a negociação.

Mas por que uma corretora de seguros?! Nós explicamos. As corretoras possuem profissionais totalmente qualificados para avaliar os mais diversos riscos que a sua empresa pode correr. Além disso, eles trabalham unicamente para atender o cliente, do inicio ao fim do processo, ou seja, desde a negociação do contrato do serviço até o suporte no atendimento de um sinistro ou uma renovação.

Escolheu a corretora de seguros? Ótimo! O próximo passo é verificar se ela tem registro na Superintendência de Seguros Privados (SUSEP). E é de suma importância manter um relacionamento sincero e aberto com a sua corretora de seguros. Isso faz com que o seu negócio seja protegido da melhor maneira.


Todos os tipos de negócio precisam de seguro?

A resposta para esta pergunta é simples: todo empreendimento possui risco, que, no mundo empresarial, entende-se por incertezas, seja para perdas ou ganhos. E com a contratação de um seguro empresarial, você empresário conseguirá focar mais na evolução do seu negócio deixando a preocupação de incidentes para a corretora de seguros.

O que se deve levar em conta na hora de simular um seguro para a sua empresa?

Primeiramente, para decidir quais os melhores serviços de seguro para a sua empresa, você precisa conhecer bem todos os detalhes do seu negócio. Quais os materiais mais utilizados, o porte das maquinas, a localização do estabelecimento e como é feito o trabalho diário dos funcionários, por exemplo.

Isso tudo influencia na decisão das coberturas e nos valores do seu seguro. Conhecendo o seu negócio por inteiro, aí sim você e a sua corretora de seguros contratada poderão apurar, juntos, qual o tipo de cobertura mais adequada.

Documentação

Possivelmente, o segurado deverá preencher um formulário com informações pessoais e sobre a empresa a ser atendida. Isso facilitará o trabalho da seguradora na hora de avaliar os riscos.

Responda todas as perguntas com sinceridade e não esconda nada. A omissão de fatores relevantes pode levar a seguradora a avaliar serviços que seu negócio não necessita e assim encarecer o produto, ou também deixar de indicar opções essenciais para a proteção da empresa.


Contratei o meu seguro. E agora, como proceder?


Ao contratar o seu seguro empresarial, todas as seguradoras possuem basicamente o mesmo processo. Destacam-se:

Visita técnica


Após o preenchimento do formulário, um inspetor de seguros será ativado a fim de avaliar os ricos do empreendimento com maior precisão por meio de uma visita técnica no local. Paralelo às informações contidas no formulário, ele indicará qualquer fato que poderá causar algum risco e, ainda, orientará como prevenir cada um. É possível que o profissional instrua para que sejam feitos alguns ajustes antes de assinar a cobertura.

Kit da apólice


Proposta aceita! Pronto. Agora é hora de e receber a apólice, onde estarão especificados detalhes da cobertura, devidas condições, etc.


Coberturas: básicas x adicionais


Em um seguro empresarial, existem coberturas básicas que são mais baratas, e também aquelas adicionais, que elevam um pouco o valor do serviço, cobrindo mais amplamente o seu negócio. É de suma importância o empreendedor avaliar os dois serviços. E não pense em querer economizar. O barato pode sair caro. Então, confie nas avaliações do seu corretor.

Para te ajudar a identificar inicialmente o que a sua empresa precisa, vamos listar o que, normalmente, contêm nas coberturas básicas e adicionais em cada seguradora.

Básica

  • Incêndio;
  • Explosão;
  • Fumaça.

Adicionais

  • Danos Elétricos;
  • Subtração de Bens e Mercadorias;
  • Responsabilidade Civil Empregador;
  • Subtração de Valores;
  • Contaminação e Deterioração de Mercadorias em Ambiente Frigorificado;
  • Danos Morais;
  • Desmoronamento;
  • Despesas Fixas;
  • Despesas com Instalação em Novo Local;
  • Equipamentos Cinematográficos;
  • Equipamentos Eletrônicos com ou sem Subtração;
  • Equipamentos Estacionários;
  • Equipamentos Móveis e Empilhadeiras.

A Corretora de Seguros da Bancorbrás trabalha com serviços específicos para diversos tipos de empreendimentos. Entre em contato, faça uma cotação e mantenha seu negócio mais protegido.